Instagram Facebook

Panelinha de barro: um clássico da cozinha mineira



A panela de barro é uma tradição milenar, criada pelos índios antes mesmo da colonização portuguesa. Uma peça de artesanato brasileiríssima.

Uma panelinha, mil e uma utilidades!

Uma panelinha, mil e uma utilidades!

A técnica utilizada, assim como a estrutura social das artesãs, pouco mudou desde o início de sua produção, nas tribos. Nos últimos séculos, esse trabalho vem sendo repassado de pais para filhos, garantindo a sobrevivência econômica de inúmeras famílias.

Esta mini panela, que cabe na palma da mão, é produzida pela artesã Elizandra, especialista em artesanato de barro. Na família dela, a tradição começou na geração da bisavó, e hoje chegou às mãos da bisneta Tamiris, de 17 anos, que ajuda a mãe, Elizandra, na produção.

Tradicionalmente usada para tomar e servir caldos, a panelinha de barro não pode ser levada direto ao fogo ou ao forno, antes de ser curada. A artesã ensina: para curar a panela, é necessário passar óleo de cozinha por dentro e por fora e aguardar 24 horas. Após esse intervalo, basta ferver um pouco de água, e assim que pegar a fervura, a despeje dentro da panela. Assim a panelinha de barro estará pronta para o uso no fogão e no forno.

Outra dica: usar como fruteira, como vasinho de flores para decorar, como farinheira ou como molheira.

Nos mande uma foto mostrando como você usou a sua!